Skip to content

Afinidades electivas – Estados Unidos, Israel e Irão

2006/12/30

Os Estados Unidos, pela voz de Bush Jr., congratularam-se com a execução de Saddam Hussein. Não espanta, pois foram eles os encenadores, desde a prisão (com filmagens degradantes do ex-ditador iraquiano, que se feitas e apresentadas por outros teriam desencadeado a ira dos Josés Manuel Fernandes e Joões Carlos Espadas, sempre prontos a denunciar o iliberalismo e a barbárie), ao processo (?) judicial em que valeu de tudo, até detenções e expulsões dos advogados de defesa, e finalmente a execução anunciada desde o início (e em particular antes de começar o julgamento), igualmente filmada em pormenor e prontamente difundida por todo o mundo.
Israel e o Irão também saudaram em coro a execução. Assim como o patético primeiro-ministro australiano.

Viva la muerte?

powered by performancing firefox

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: